quarta-feira, 14 de março de 2018

Ser mulher.... não ... SER

Podia escrever sobre o que é ser mulher... todas as especificidades, sobre todas as vantagens e desvantagens... mas não me apetece...
Desculpa, querida Mel... estou , em parte, cansada deste mostrar as diferenças, deste medir forças... 
Vou antes escrever sobre o que é Ser...
Ser é dificil... Dá trabalho... Não estou a falar do simples existir... mas do Ser na sua essência...
Todos existimos, não temos outra hipótese, mas o que é Ser?
Ser é existir, é assumir uma unicidade que todos deveriamos ter... é lembrar que na vida não somos, nem devemos ser, todos iguais... É assumir que há diferenças, e que é bom ser diferente... é bom assumimos a nossa identidade... mas pode ser trabalhoso, até pode ser doloroso, quando não somos compreendidos por quem nos rodeia.. Por quem impõe que há uma regra a seguir e só uma forma de ser...Não digo que a unicidade não exista... mas por vezes, parece que se está a perder... parece que se vêm pessoas iguais que dizem fazer as mesmas coisas e até pensar as mesmas coisas... mas serão mesmo iguais? Estarão a representar um papel? Qual será a cópia?
Quem é realmente?

E tu? És ou existes?

Vamos praticar o Ser, sem farsas...

Vamos ser únicos!

E no meu caso... Sou, Existo, e  no meio de tudo, ou depois de tudo, sou mulher, mãe, filha, neta... Sou...

Beijinhos querida Mel, e desculpa fugir ao tema...

nat. do blog 5 em crescendo

7 comentários:

  1. Já ganhaste!!
    é isso... SER! É DIFICÍLIMO, DÁ TRABALHO MAS CADA UM DE NÓS É ÚNICO!
    SER... em vez de ter, SER em vez de tentar mostrar o que não somos mas que gostaríamos de ser.
    Lutar para SER.
    Ser Autêntico!

    Muito obrigado querida nat.!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada por me pores a "passar para o papel" aqueles pensamentos que até tenho ideia de escrever, mas na correria dos dias se perde, e fica para depois... esse depois que às vezes não chega...
      Beijinhos, Bom dim de semana!

      Eliminar
  2. Não fugiste nada! Bem pelo contrário! Acertaste em cheio!
    Eu procuro SER todos os dias acima de tudo fiel a mim mesma, mesmo que por isso de vez em quando pague preços elevados pelas escolhas que faço. Assumo sempre ser quem SOU...mas admito que no patamar em que me encontro isso é bem mais fácil do que me foi aos 5, aos 10 aos 15...aos 20...fiz o caminho que todas fazemos e peço a Deus que me ajude a continuar a ensinar as minhas filhas a SEREM quem SÃO.
    Se assim for sentirei algum orgulho por ser Mulher, Companheira, Amiga, Filha, Trabalhadora, mas acima de todos estes...Sou MÃE:)

    Jinhoooooooosssssss
    Suri

    ResponderEliminar
  3. "Ser", uma palavra tão pequenina mas que siginifica muito e carrega consigo aquilo que nos distingue, que nos unifica, que nos personaliza...

    ResponderEliminar